Calculadora De Juros Poupança?

Como calcular juros de poupança?

Para fazer o cálculo de quanto o dinheiro vai render na poupança é preciso somar o valor da taxa mensal do investimento. Ou somar o valor total à taxa anual. Por exemplo, se na caderneta de poupança há o valor de 1 mil reais, ao longo de um ano, o rendimento da poupança será de R$82,60 – um total de R$1.082,60.

Quanto dá de juros 100.000 na poupança por mês?

Quanto rendem R$ 100 mil na renda fixa em 30 dias? Há quem perguntou aqui para a Inteligência Financeira: ” quanto rendem R$ 100 mil na poupança ? E na renda fixa ?”. Pois bem, decidimos ir atrás das respostas! Vale saber que a vem passando por alterações nas últimas reuniões do Copom.

,,,,,

Além disso, vale saber que todas as simulações feitas com produtos atrelados a Selic tomaram como base uma taxa de 9% ao ano, que é a projeção do para o fim de 2024. Por isso, os valores apresentados nos cálculos são todos aproximados e servem como um parâmetro para você ter uma ideia de qual seria a média do rendimento em cada um dos ativos financeiros.

Por outro lado, olhar taxas futuras pode ser uma boa estratégia para médio e longo prazo, que é o mais indicado pelos especialistas quando o assunto são investimentos. Confira, portanto, os cálculos e as considerações do especialista logo abaixo. A poupança é a queridinha dos brasileiros, pois está sempre associada à segurança, praticidade e facilidade.

Por isso, muitas vezes ela é a alternativa de investimento mais recomendada para quem está começando a montar a carteira. Contudo, a boa e velha, Mas será que essa fama se justifica, mesmo quando temos ? Portanto, vamos às contas para responder a essa e outras dúvidas.

Uma aplicação de R$ 100 mil por 30 dias na poupança pode ter um rendimento líquido médio de 0,71%. Ou seja, segundo a simulação do especialista, no final desse período você deve ter aproximadamente R$ 100,72 mil. No Tesouro Selic, por outro lado, seus R$ 100 mil teriam um rendimento líquido (já descontado o ) de 0,72% em 30 dias.

Isso significa que, no final do período, você teria mais ou menos R$ 100,57 mil. Veja que nessa simulação a poupança renderia mais do que o Tesouro Selic. Isso se dá, pois a poupança é isenta de IR. O que não acontece com o Tesouro Selic. Por outro lado, se fôssemos simular por mais de 1 mês, aí sim o título teria retorno maior do que a caderneta.

  1. Se você se animou com o resultado do Tesouro, prepare-se para ficar ainda mais animado.
  2. Pronto? Então, bora! Afinal, um () que remunere 100% do CDI, seus R$ 100 mil poderiam se tornar cerca de R$ 100,78 mil,
  3. O valor é líquido, ou seja, já considera o desconto de Imposto de Renda (IR),
  4. Quer mais? Pois bem, em () e () que remunerem 90% do CDI, o montante poderia ser de aproximadamente R$ 100,99 mil,

Por que a diferença para o, que remunera mais? Porque LCIs e LCAs não têm IR. Ou seja, entre essas opções de renda fixa, as chamadas Letras de Crédito (LCIs e LCAs) são as melhores. Isso porque, em um mês, entregam cerca de R$ 200 a mais que a poupança,

Ativo Aplicação Inicial (R$) Aplicação Final (R$)
Caderneta de Poupança 100 mil 100,72 mil
Tesouro Selic 100 mil 100,57 mil
CDB 100% CDI 100 mil 100,78 mil
LCI/ LCA 90% CDI 100 mil 100,99 mil

Fonte: Carlos Castro, planejador financeiro, em parceria com a IF De acordo com Carlos, com exceção do Tesouro Selic, todos esses investimentos – até o limite de R$ 250 mil por CPF por instituição financeira – são garantidos pelo, Isto é, “esses investimentos conservadores são seguros do ponto de vista de crédito”, diz ele.

  1. Assim, podemos considerar que o Tesouro Selic é menos seguro? De jeito nenhum! “Apesar de não ser coberto pelo, o Tesouro Selic é um título soberano”, diz o especialista.
  2. Ele é, inclusive, o título mais seguro comparado aos demais, por isso não precisa do FGC.” Por quê? Porque ele tem a garantia de que o governo federal vai pagar.

De acordo com o especialista, a poupança é menos rentável. Contudo, ele afirma que a caderneta ainda pode ser uma opção recomendável para quem está começando.

“A poupança pode ser boa alternativa para quem está aprendendo a investir, isto é, não tem tanta familiaridade com outros investimentos e quer fazer uma aplicação simples, fácil e conhecida”, explica.Um ponto de atenção, contudo, destacado pelo especialista é a dos investimentos.”A caderneta de poupança tem data de aniversário, portanto, se você não esperar completar os 30 dias da aplicação, perderá a rentabilidade”, afirma.

Por outro lado, para os demais ativos, a dica é ficar de olho no IOF. Na simulação acima, consideramos o prazo de 30 dias e, por isso, tivemos IOF zero. “É importante saber que, se o resgate ocorrer em menos de 30 dias, o rendimento entra na tabela regressiva de IOF”, diz ele.

Ativo Aplicação Inicial (R$) Aplicação Final (R$)
Caderneta de Poupança 100 mil 102,16 mil
Tesouro Selic 100 mil 102,3 mil
CDB 100% CDI 100 mil 102,4 mil
LCI/ LCA 90% CDI 100 mil 102,8 mil

Fonte: Carlos Castro, planejador financeiro, em parceria com a IF Colaboraram: Daniel Navas e Lívia Venaglia Simulações atualizadas com a ajuda da calculadora financeira criada por Bruno Mori, economista e sócio fundador da consultoria Sarfin. : Quanto rendem R$ 100 mil na renda fixa em 30 dias?

Quanto rende 150 mil por mês?

O rendimento bruto de R$ 150 mil no Tesouro Selic é R$ 1.574,58 por mês. Ou seja, 1,0497%.

Quanto rende 500 mil na poupança da Caixa por mês?

Quanto R$ 500 mil rendem na poupança por mês? Portanto, o rendimento da caderneta segue a regra de 0,5% ao mês + TR. Traduzindo em números, um valor de R$ 500 mil aplicado na poupança rende no primeiro mês aproximadamente R$ 3,6 mil líquidos.

Quanto rende 40 mil na poupança da Caixa por mês?

Quanto rende R$ 40 mil na poupança? Preciso declarar?

  1. Quanto rende R$ 40 mil na poupança? Preciso declarar?

, Cecília Bezerra em 15 de setembro de 2023 às 10:57 Porém, muitas pessoas ainda têm dúvidas sobre, por exemplo, quanto rende R$ 40 mil na poupança ou se é preciso declarar esse valor no Imposto de Renda. Continue a leitura e saiba essas e outras questões sobre como calcular o rendimento da poupança, quais são as regras e os cuidados ao investir nessa modalidade.

You might be interested:  Como Calcular As 44 Horas Trabalhadas Em 5 Dias Da Semana?
Confira as melhores soluções meutudo para você
Produto Taxa a partir de Pagamento
Empréstimo Consignado 1,80% a.m 6 a 84 parcelas
Antecipação Saque-aniversário 1,80% a.m antecipe a partir de R$100

O rendimento da poupança depende da taxa básica de juros da economia, chamada de, que é definida pelo Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central. Desde 2012, a tem duas formas de remuneração:

Se a Selic estiver acima de 8,5% ao ano, o rendimento será de 0,5% ao mês mais a Taxa Referencial (TR);

Se a Selic estiver igual ou abaixo de 8,5% ao ano, o rendimento será de 70% da Selic mais a TR.

Importante: A TR é uma taxa calculada com base na média dos juros dos CDBs (Certificado de Depósito Bancário) e RDBs (Recibo de Depósito Financeiro) pré-fixados. Leia mais:

  • Vale lembrar que os CDBs e RDBs pré-fixados são títulos de renda fixa que pagam uma taxa de juros fixa e informada no momento da aplicação, independentemente das variações do mercado.
  • Em agosto de 2023, o Copom reduziu a Selic para 13,25% ao ano, após quatro anos mantendo a taxa em 13,75% ao ano.
  • Com isso, o rendimento da poupança continua sendo de 0,5% ao mês mais a TR, ou seja, cerca de 6,17% ao ano.

Isso significa que um depósito de R$ 40 mil na poupança hoje renderia aproximadamente R$ 205,00 por mês ou R$ 2.468,00 por ano, sem considerar a,

  1. No entanto, é importante entender que esse valor pode mudar conforme a Selic for alterada pelo Copom nas próximas reuniões.
  2. Para saber mais sobre educação financeira e outros assuntos relacionados, e receba nossos conteúdos semanais por e-mail.
  3. Para saber quanto rendem R$ 40 mil na poupança por mês, basta multiplicar esse valor pela taxa mensal de juros da poupança. Por exemplo:
  • Se a taxa mensal for de 0,5%, o rendimento será de R$ 40.000 × 0,005 = R$ 200,00;
  • Se a taxa mensal for de 0,44%, o rendimento será de R$ 40.000 × 0,0044 = R$ 176,00;
  • Se a taxa mensal for de 0,30%, o rendimento será de R$ 40.000 × 0,003 = R$ 120,00.

Para ilustrar melhor como funciona o rendimento da poupança, será feita uma simulação com um depósito inicial de R$ 40 mil e sem novos depósitos mensais. Confira quanto esse valor renderia em diferentes cenários:

Exemplo de rendimento na poupança do saldo inicial de R$ 40 mil
Taxa Selic Taxa mensal da poupança Rendimento em um mês Rendimento em um ano
13,25% 0,5% + TR R$ 200,00 R$ 2.468,00
8,5% 0,44% (é 70% da Selic) + TR R$ 176,00 R$ 2.168,00
5% 0,30% (é 70% da Selic) + TR R$ 120,00 R$ 1.468,00

Para calcular o investimento na poupança, considerando também os depósitos mensais futuros, é possível usar a calculadora online da meutudo. Confira também: A irá mostrar qual será o valor final do investimento, quanto se vai receber de juros e qual será a rentabilidade líquida. Confira abaixo! Calculadora do Rendimento da Poupança

R$ 0,00
R$ 0,00
R$ 0,00

Para saber quanto rendem diferentes valores na poupança, é importante lembrar que a taxa de juros da poupança depende da taxa Selic e da Taxa Referencial. Saiba também: Para facilitar a comparação, confira na tabela abaixo quanto rendem diferentes valores na poupança, considerando um depósito inicial e sem mais depósitos mensais, com a taxa atual de 0,5% ao mês mais a Taxa Referencial:

Rendimento da poupança de R$ 100 mil a R$ 500 mil
Valor inicial Em 1 mês Em 6 meses Em 1 ano Em 2 anos Em 5 anos
R$ 100 mil R$ 500,00 R$ 3.025,00 R$ 6.170,00 R$ 12.600,00 R$ 32.820,00
R$ 200 mil R$ 1.000,00 R$ 6.050,00 R$ 12.340,00 R$ 25.200,00 R$ 65.640,00
R$ 300 mil R$ 1.500,00 R$ 9.075,00 R$ 18.510,00 R$ 37.800,00 R$ 98.460,00
R$ 400 mil R$ 2.000,00 R$ 12.100,00 R$ 24.680,00 R$ 50.400,00 R$ 131.280,00
R$ 500 mil R$ 2.500,00 R$ 15.125,00 R$ 30.850,00 R$ 63.000,00 R$ 164.100,00

Quem tem R$ 40 mil na poupança ou em qualquer outro investimento, precisa declarar esse valor caso fique superior a R$ 60 mil no último dia do ano-calendário. Nesse caso, deve-se informar o saldo e o rendimento na ficha de “Rendimentos Isentos e Não Tributáveis”.

  • Se foi recebido mais de R$ 30.881,00 de renda tributável no ano (como salário, aposentadoria ou aluguel);
  • Se foi obtido ganho de capital na venda de bens ou direitos sujeitos à tributação (como imóveis ou ações);
  • Se foi obtida receita bruta superior a R$ 154.518,00 com atividade rural;
  • Se foram adquiridos bens ou direitos com valor total superior a R$ 320 mil até o último dia do ano;
  • Se foram realizadas operações na bolsa de valores.

Sendo assim, é importante verificar se corresponde com alguma dessas situações e não deixar de, se for obrigatório. Caso contrário, pode cair na, Este artigo foi útil? Então compartilhe com seus amigos e deixe seu comentário abaixo. Aproveite e para receber nossos conteúdos semanais por e-mail! Depende do seu perfil, objetivo e reserva de emergência.

Você pode escolher entre renda fixa, renda variável, franquias ou negócios próprios. Depende da taxa Selic e da Taxa Referencial (TR). Com a Selic atual em 13,75% ao ano e a TR zerada, por exemplo, o rendimento seria de 0,5% ao mês, ou seja, R$ 100,00. Você pode investir em diversas opções, desde investimentos comerciais até financeiros, dependendo do seu perfil de risco, do seu prazo e da sua reserva de emergência.

É possível optar por renda fixa, renda variável, franquias ou negócios próprios. O rendimento sempre dependerá da taxa Selic e da Taxa Referencial (TR). Com a projeção do mercado de Selic a 7% ao ano e TR próxima de zero, por exemplo, o rendimento seria de 0,49% ao mês, ou seja, R$ 245,00. A meutudo pertence à TUDO Serviços S.A. (“TUDO”), CNPJ 27.852.506/0001-85, localizada à Rua Professor Dias da Rocha, nº 296, Meireles, Fortaleza/CE, CEP: 60170-310, é uma fintech que facilita o acesso de clientes a empréstimos consignados. Atuamos como correspondente bancário de instituições financeiras, atividade regulada pelo Banco Central do Brasil, nos termos da Resolução nº 4.935, de 29 de Julho de 2021.

Para Empréstimo Novo e Portabilidade, atua como correspondente bancário da PARATI CRÉDITO, FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO S/A, instituição financeira devidamente constituída e existente de acordo com as leis do Brasil, com sede na Cidade de Vitória, Estado do Espírito Santo, e inscrita no CNPJ/MF sob o nº 03.311.443/0001-91 (“PARATI”) – Canais de Atendimento da PARATI: www.paratifinanceira.com.br / Telefone: +55 (27) 2123-4777 / Ouvidoria: [email protected].

No Saque-Aniversário do FGTS, atua como correspondente bancário da QI SOCIEDADE DE CRÉDITO DIRETO S.A., sociedade de crédito direto com sede na cidade de São Paulo, estado de São Paulo, inscrita no CNPJ/MF sob o nº 32.402.502/0001-35, neste ato representada na forma de seu Estatuto Social (“QI TECH”) – Canais de atendimento da QI TECH: https://qitech.com.br/ ou [email protected] / Telefone: 0800 700 8836 / Ouvidoria: 0800 0244 346 ou [email protected].

  1. Informações adicionais sobre o empréstimo consignado: prazo mínimo de 6 meses e máximo de 84 meses.
  2. Valor mínimo de empréstimo R$ 1.500,00.
  3. Taxa de juros a partir de 1,80% a.m.
  4. E CET a partir de 1,93% a.m.
  5. Informações adicionais sobre portabilidade de empréstimo consignado: taxa de juros a partir de 1,70% a.m e CET a partir de 1,67% a.m.

Informações adicionais sobre antecipação saque-aniversário: taxa de juros a partir de 1,80% a.m e CET a partir de 1,92% a.m. Os valores mencionados podem variar a partir das condições no momento da contratação. Simular empréstimo : Quanto rende R$ 40 mil na poupança? Preciso declarar?

Quanto rende 300 mil no Tesouro Direto por mês?

Quanto rendem R$ 300 mil no Tesouro Direto? A opção pelo vem ganhando espaço no Brasil quando o assunto é fazer um investimento mais conservador, com alguma segurança como a, Mas quanto rende investir em títulos públicos? Para responder a essa pergunta, simulamos quanto rendem R$ 300 mil no Tesouro Direto em diferentes modalidades e prazos.

Para obter uma estimativa de rentabilidade desse tipo de investimento, a Inteligência Financeira utilizou o sistema oficial de simulação do e uma calculadora desenvolvida por Bruno Mori, economista e sócio fundador da consultoria Sarfin. Primeiramente, antes de irmos aos números, vale reforçar um pouco sobre o que é o Tesouro Direto.

Trata-se do investimento facilitado em títulos públicos, emitidos pelo Tesouro Nacional como forma de obter financiamento para os gastos do Estado. Esses títulos são vendidos a partir de uma condição pactuada no momento da contratação. É prevista uma data de vencimento e a forma de cálculo da rentabilidade, que pode ser pré-fixada ou pós-fixada.

  1. No caso dos títulos pré-fixados, informa-se a taxa exata de rendimento.
  2. Por outro lado, nos pós-fixados uma parcela do rendimento é indexada a ou ao IPCA e o saldo final vai depender da oscilação desse indicador.
  3. Reforçando que as projeções a seguir são feitas de acordo com as condições atuais de mercado.

A curva futura de juros, as taxas atuais dos títulos disponíveis e as perspectivas para a inflação. Portanto, se trata de uma simulação nas condições presentes, que são sujeitas a mudanças e não representam nenhuma garantia de rentabilidade futura. O Tesouro rende hoje o equivalente à taxa básica de juros mais um percentual bem pequeno, que nos títulos atuais varia entre 0,04% e 0,15%.

  1. De acordo com a estimativa de Bruno Mori, com a Selic em 13,25% ao ano, o investimento nessa modalidade rende cerca de 1,04% ao mês.
  2. Portanto, um investimento de R$ 300 mil no Tesouro Selic hoje rende cerca de R$ 2.433,70 por mês.
  3. Em um prazo um pouco maior, a rentabilidade em 6 meses é de cerca de R$ 14.371,70.

Aqui são valores líquidos, já descontado o, No caso do investimento no Tesouro Direto é seguida uma tabela de imposto de renda com alíquotas que vão ficando menores quanto mais tempo você segurar o investimento. O desconto começa em 22,5% para investimentos de até 180 dias e chega ao piso de 15,00% quando a aplicação ultrapassa os 720 dias.

Seguindo a simulação para prazos mais longos, R$ 300 mil no Tesouro Direto em um ano rendem aproximadamente R$ 27.608,63, Em 2 anos, esse retorno sobe para R$ 54.307,81 e em 5 anos vai para R$ 163.390,90. Na sequência, fazemos a simulação com um título existente na, Pegamos o Tesouro Selic 2026 e simulamos um investimento inicial de R$ 300 mil, sem aportes mensais, levado até o vencimento.

Observe que a calculadora do Tesouro Direto considera uma Selic média ao longo do período de 9,25% ao ano. Tesouro Selic 2026 Investimento: R$ 300 mil (uma única vez, sem aportes mensais)Taxa consultada em 04/09/2023: Selic + 0,0421% Vencimento: 01/03/2026

Valor bruto: R$ 372.116,80 Desconto de IR: – R$ 10.817,51 Taxa da B3: – R$ 1.653,33 Valor líquido estimado: R$ 359.645,96

Como dissemos acima, uma das opções existentes do Tesouro Direto é você investir em um título com taxa pré-fixada, definida no momento da aplicação. Para o bem e para o mal, esse percentual não muda se as condições de mercado mudarem. Ou seja, se a inflação disparar para além da taxa de rentabilidade você não só não lucrar como pode perder poder de compra.

Simulamos com base no Tesouro Prefixado 2026, que tem rentabilidade de 10,20% ao ano e vence em 1º de janeiro de 2026. Tesouro Prefixado 2026 Investimento: R$ 300 mil (uma única vez, sem aportes mensais)Taxa consultada em 04/09/2023: 10,20% ao anoVencimento: 01/03/2026

Valor bruto: R$ 376.643,10 Desconto de IR: – R$ 11.496,46 Taxa da B3: – R$ 1.564,08 Valor líquido: R$ 363.582,56

O Tesouro IPCA+ rende de acordo com uma soma entre o índice oficial de inflação com um percentual adicional informado no momento da contratação. Na simulação elaborada por Bruno Mori, considerados a meta para o IPCA, de 3,00% a.a., mais uma taxa adicional de 5,00% ao ano.

Por esse critério, R$ 300 mil investidos no Tesouro Direto rendem cerca de R$ 1.495,91 em um mês, R$ 9.415,32 em 6 meses e R$ 19.800,00 em um ano. Posteriormente, são R$ 42.432,00 em um ano e R$ 119.678,66 em 5 anos. Por outro lado, olhemos uma alternativa de um título disponível hoje. A calculadora do Tesouro Direto considera um IPCA de 3,85% a.a.

e uma rentabilidade prefixada do título de 5,23% ao ano. Tesouro IPCA+ 2029 Investimento: R$ 300 mil (uma única vez, sem aportes mensais)Taxa consultada em 04/09/2023: IPCA + 5,23% a.a. Vencimento: 15/05/2029

Valor bruto: R$ 491.359,00 Desconto de IR: – R$ 28.703,85 Taxa da B3: – R$ 4.409,78 Valor líquido: R$ 458.245,37

O Tesouro Nacional lançou duas opções de títulos para obter uma renda extra mensal, Primeiramente, o título voltado para a aposentadoria, o Tesouro Renda+. O interessado contribui ao longo de um período e após uma data de conversão passa a receber uma renda mensal ao longo de 20 anos.

Assim, é uma forma de investir em busca de um complemento de renda no momento de parar de trabalhar. Simulamos uma pessoa de 38 anos que planeja se aposentar aos 60 anos com uma renda mensal de R$ 15 mil. Portanto, o título ideal seria o Tesouro Renda+ 2045. Com um investimento de R$ 300 mil, o interessado consegue comprar 388,03 títulos, estando meio caminho andado para obter a renda desejada.

Seria necessário complementar o investimento com 1,89 título por mês, o que hoje custa aproximadamente R$ 1.461,23 por mês. Por outro lado, se o interessado estiver disposto a adiar um pouco mais e se aposentar aos 65 anos, no Tesouro Renda+ 2050 esse complemento mensal cai para cerca de R$ 677 por mês.

No Tesouro Renda+, após a data de conversão, o investidor recebe os pagamentos por 240 meses, ou seja, 20 anos. A outra alternativa nova ofertada pelo governo é o Tesouro Educa+, voltado para custear estudos. Trata-se de um investimento de prazos mais curtos tanto de acumulação quanto de pagamento. São cinco anos de renda extra mensal, um período pensado para custear uma faculdade ou uma pós-graduação.

Por exemplo, pessoa que tenha um filho de 8 anos, que vai entrar na universidade em 10 anos e precisará de uma renda mensal de cerca de R$ 10 mil quando a hora chegar. De acordo com a simulação, com um investimento de R$ 300 mil no Tesouro Educa+ 2034, a maior parte dessa renda já está assegurada.

Quanto rende 5 mil por mês na poupança?

Quanto rendem R$ 5 mil na poupança? E no Tesouro Selic, no CDB e em fundos de renda fixa? Antes de aplicar parte do patrimônio em algum, muitas pessoas buscam saber a rentabilidade do investimento. Afinal de contas, é interessante entender o montante que receberá no futuro, mesmo que seja uma estimativa.

Dessa forma, hoje vamos falar quanto rendem R$ 5 mil na poupança por mês, bem como em 3 meses, 1 ano, 2 anos e 5 anos. Mas por qual motivo escolhemos a caderneta? Porque, de acordo com o Raio-X do Investidor Brasileiro de 2022, realizado pela, quase 50 milhões de brasileiros – ou 23% da população – ainda investem na poupança.

Por mais que a gente saiba que existam outros muito melhores do que a poupança, esse produto ainda segue bastante popular. Contudo, para alguns especialistas, a poupança pode ser levada em consideração para quem precisa de dinheiro rápido. E isso por conta da sua alta,

“A, permitindo que o dinheiro seja depositado e retirado facilmente. No entanto, a rentabilidade é baixa quando comparada a outras opções de investimento”, pontua Fabrício Gonçalvez, CEO da Box Asset Management. E nós, da Inteligência Financeira, fomos atrás dessas demais alternativas de ativos financeiros para fazer o comparativo.

Portanto, dentro da nossa seleção, vamos mostrar o rendimento nos mesmos períodos para:

; prefixada; CDB pós-fixada;,

Então, além da ajuda de Gonçalvez, nós também conversamos com Carolina Volcov, sócia-fundadora da Semeare Investimentos e Valéria Vieira, planejadora financeira CFP e especialista em mercado de capitais, que fizeram os cálculos para a gente. Desse modo, quer saber quanto rendem R$ 5 mil na poupança por mês? Em torno de R$ 38,50.

“Para essa média, foi levada em consideração uma taxa que corresponde a 70% da, que atualmente está em 13,75%”, diz Carolina. Para 3 meses, o retorno financeiro fica em R$ 116, mais ou menos. Já para 1 ano, o rendimento na poupança giraria em torno de R$ 480. Mas, se a ideia é saber quanto rendem R$ 5 mil em 2 anos, aí o valor seria de R$ 1,01 mil, mais ou menos, e em 5 anos o montante a receber seria algo em torno de R$ 2,92 mil.

Então, agora que você já sabe quanto rendem R$ 5 mil na poupança por mês, vamos fazer um comparativo do retorno com demais ativos que fazem parte do grupo de, Para o Tesouro, o rendimento em um mês seria de, mais ou menos, R$ 41 líquido, ou seja, já descontado o,

Em 3 meses, o retorno giraria em torno de R$ 126 líquido. Mas, se você pode esperar um ano para o resgate, saia que rendimento ficaria em R$ 566 líquido, mais ou menos. Já em 2 anos, o retorno seria de algo em torno de R$ 1,24 mil líquido. Em 5 anos, o rendimento seria de, mais ou menos, R$ 3,8 mil líquido.

Outra boa opção de investimento para substituir a poupança é o, que possui o produto em duas versões: prefixado e pós-fixado. Desse modo, no primeiro caso, a taxa já é definida e você fica sabendo o valor que receberá no vencimento da aplicação. No pós-fixado é contrário, ou seja, você não consegue saber o montante que terá de retorno no fim do investimento.

Isso porque, esse tipo de produto é atrelado ao um indexador da economia que, em geral, é o ou o IPCA (inflação). Portanto, vale saber que, em um mês, esse ativo financeiro renderia, mais ou menos, R$ 39 líquido, ou seja, já descontado o Imposto de Renda. Em dois meses, o CDB daria como retorno algo em torno de R$ 120 líquido.

Em um ano, no entanto, o rendimento seria de R$ 530, mais ou menos. Já em 2 anos, o retorno financeiro estaria em R$ 859, mais ou menos. Quer saber quanto rendem R$ 5 mil em 5 anos no CDB prefixado? Algo em torno de R$ 3,58 mil. Para esse perfil de rendimento, Fabrício Gonçalvez usou um produto atrelado ao IPCA + 12,99%.

  • Desse modo, portanto, em um mês, o investimento teria como retorno líquido algo em torno de R$ 50.
  • Já em 3 meses, o rendimento seria de R$ 154 líquido, mais ou menos.
  • Em um ano, o retorno financeiro seria de algo em torno de R$ 677 líquido.
  • Em 2 anos, o rendimento ficaria em torno de R$ 1,5 mil líquido.

E, por fim, em 5 anos, o CDB pós-fixado renderia R$ 5 mil líquido, mais ou menos. Para essa simulação, foi usado o produto que tem como rentabilidade 110% do CDI. Dessa forma, em 30 dias, esse investimento renderia em torno de R$ 45 líquido (já descontado o IR).

Em 2 meses, o fundo de renda fixa teria como retorno R$ 137 líquido, mais ou menos. Já em 1 ano, o rendimento giraria em torno de R$ 619 líquido. Para um prazo de 2 anos, o rendimento seria de R$ 1,3 mil líquido. E, para 5 anos, o retorno financeiro seria de, mais ou menos, R$ 4,3 mil líquido. Os especialistas não indicam comparar o rendimento da poupança com algum produto de,

“Isso porque, em ativos desse perfil existe uma complexidade de projetar um cenário longo”, esclarece Carolina. Mas, ainda assim, de acordo com Valéria, é possível ter como base rendimentos pagos pelos fundos imobiliários. Desse modo, vale saber que, em um mês, os FIIs renderiam, em média R$ 48.

Como fazer o cálculo do rendimento?

Como calcular o rendimento de uma ação – Ações fazem parte do universo de, em que é impossível prever a rentabilidade de qualquer tipo de aplicação. Por isso, desconfie sempre que alguém prometer qualquer tipo de rendimento para ações ou fundos imobiliários, por exemplo.

  1. Mas calcular o rendimento passado de uma ação é simples, porque você já sabe o valor final e não precisa fazer projeções.
  2. Basta dividir o valor final da ação no período que você está analisando pelo valor inicial, e depois multiplicar por 100, para obter um número percentual, e depois subtrair 100, para obter a diferença percentual.
  3. A fórmula, portanto, é a seguinte:

(Preço atual / Preço anterior) x 100 – 100

Achou complexo? Confira no exemplo: