Calculadora Venda De Ferias?

Como fazer cálculo de venda de férias?

Como calcular a venda das férias? – Para funcionários contratados no regime CLT, vender as férias deve seguir as regras da legislação. Para comercializar um terço delas, o cálculo é o seguinte: a cada 30 dias de descanso, você pode vender 10 dias e curtir os outros 20 dias de folga.

o pagamento de férias: 1/3 de adicional de férias, no mínimo; 10 dias trabalhados a mais; hora extra, adicional noturno e adicional de insalubridade, caso o profissional tenha trabalhado em uma ou mais dessas condições.

Assim, ao vender os 10 dias de férias, o colaborador precisa receber:

pagamento das férias: R$ 6 mil; pagamento do adicional de férias: R$ 2 mil; 10 dias trabalhados a mais: R$ 2 mil.

Nesse cálculo, o trabalhador receberá, no total, R$ 10 mil pelas suas férias. Contudo, caso ele tenha faltas não justificadas ao longo do ano que servirá de referência para o período de descanso, os valores serão alterados de acordo com os dias de folga. Nesse caso, temos:

até 5 faltas : férias de 30 dias; de 6 a 14 faltas : férias de 24 dias; de 15 a 25 faltas : férias de 18 dias; 24 a 32 faltas : férias de 12 dias.

Caso o colaborador ultrapasse 32 faltas, ele não terá direito a férias, como mostra o artigo 130 da CLT. Com relação aos descontos feitos sobre os dias de venda de férias que forem trabalhados, são descontados normalmente o INSS e o Imposto de Renda – IRRF. Já o benefício do terço extra não pode sofrer desconto algum.

You might be interested:  Calculadora De Juros Financiamento?

Qual valor de vender 20 dias de férias?

Olá Josiane. Perante a Legislação. Só é permitido vender 10 dias de férias. Então logo o escritório está correto ao elaborar as férias de acordo com a Lei (Venda de 10 dias e Gozo de 20) para guardar as respectivas partes, ou seja, o escritório e o empregador.

  • Logo a diferença terá que ser paga "por fora", como o nosso colega já lhe informou, seria um problema muito grande fazer o recibo com venda de 20 dias, que na legislação está proibido tal pratica.
  • O Cálculo é simples.
  • Você ira receber seu salário normal acrescido 20 dias +1/3.
  • Exemplo: Salário de 1000,00 Se for pela legislação Recibo Oficial.

Ferias 20 dias 666,66 1/3 Ferias 222,22 Abono de Ferias 10 dias 333,33 Total R$ 1222,21 10 dias de salário do mês 333,33 Iria sair assim, o recibo de férias de R$ 1222,21 e o holetith do mês 333,33 Então logo ficou faltando + 10 dias, porque não é legal ( por fora) R$ 333,33 Total a Receber.

Quanto ganho se vender 15 dias de férias?

Venda de férias: RH, quando é permitido e como fazer?

O cálculo da venda de férias é feito da seguinte forma:-> Salário bruto / 30 dias * número de dias de férias vendidosPor exemplo, se um funcionário ganha R$ 3.000,00 por mês e decide vender 10 dias de férias, o cálculo seria:

-> R$ 3.000,00 / 30 dias * 10 dias = R$ 1.000,00 O funcionário receberia R$ 1.000,00 pelo período de férias vendido. É importante lembrar que o funcionário só pode vender até 1/3 das suas férias. Além disso, o funcionário deve tirar um período mínimo de 10 dias de férias consecutivas. : Venda de férias: RH, quando é permitido e como fazer?

You might be interested:  Como Calcular Metro Cúbico?

Qual valor de vender 15 dias de férias?

O que diz a lei sobre vender férias? – Como já citado, o direito de vender férias está garantido ao empregado pela CLT. Segundo o artigo 143 da legislação, o abono pecuniário funciona da seguinte maneira: “É facultado ao empregado converter 1/3 (um terço) do período de férias a que tiver direito em abono pecuniário, no valor da remuneração que lhe seria devida nos dias correspondentes.

  • § 1º O abono de férias deverá ser requerido até 15 (quinze) dias antes do término do período aquisitivo.
  • § 2º Tratando-se de férias coletivas, a conversão a que se refere este artigo deverá ser objeto de acordo coletivo entre o empregados, e o sindicato representativo da respectiva categoria profissional, independendo de requerimento individual a concessão do abono.” Sendo assim, a única exceção sobre a vontade do trabalhador de vender férias ser recusada ou não seguir o que determina o artigo é se houver algum tipo de acordo de categorias em relação às férias coletivas,

Outra dúvida bastante comum do trabalhador é ” Posso vender minhas férias inteiras?” A resposta é não. É proibido pela lei que o funcionário venda os 30 dias de férias, pois o período de descanso remunerado visa o bem-estar do colaborador.

Como calcular 20 dias de férias e 10 vendido?

No cálculo do valor dos 10 dias de férias a serem vendidos, devem ser considerados: 20 dias de férias, 1/3 do salário na íntegra; abono equivalente aos dez dias vendidos. No recebimento do salário, também devem ser considerados dez dias das férias trabalhados.