Como Calcular Férias Proporcionais?

O que é férias proporcionais na rescisão?

Já as férias proporcionais, como o próprio nome já sugere, diz respeito ao período de férias proporcional ao tempo trabalhado. Ou seja, ela ocorre antes do colaborador completar o seu período aquisitivo de doze meses, sendo proporcional ao tempo em que ele trabalhou.

O que é calculado nas férias?

Calcular férias de 30 dias é simples: um salário bruto inteiro, mais um terço do salário bruto, menos os descontos. Se uma pessoa ganha R$3000, por exemplo, o valor bruto de seu salário de férias será: Férias tiradas (30 dias) = R$3000. Um terço do salário = R$1000.

Quando se paga férias proporcionais?

Em quais situações devem ser pagas as férias proporcionais? – As férias proporcionais devem ser concedidas ao colaborador em casos de:

Férias coletivas antes do funcionário completar seu período aquisitivo; Rescisão de contrato de trabalho sem justa causa.

Entenda melhor como funcionam as férias proporcionais nessas situações.

Como é paga as férias na rescisão?

Em dobro – Quando o profissional adquire o direito de férias, a empresa tem mais 12 meses para concedê-la – período concessivo – se isso não ocorrer ela precisa pagar férias em dobro para o colaborador. Nas férias indenizadas em dobro não é diferente.

Qual a diferença de férias e férias proporcionais?

Quais são os tipos de férias indenizadas? – Existem alguns tipos de férias que são indenizadas, confira quais são:

You might be interested:  Como Calcular O Tamanho Do Feto Em Mm?

Férias proporcionais : quando ao ser demitido o trabalhador não havia completado todo o período aquisitivo de férias. Recebe 1/12 + 1/3 de adicional para cada mês; Férias vencidas : são as férias que o colaborador já tinha direito de tirar e não o fez dentro do período concessivo, de 12 meses. Nesse caso ele tem direito a receber o valor integral de férias com 1/3 em dobro ; Férias vencidas proporcionais : quanto o colaborador tirou parte de suas férias no período concessivo e o restante não. O que não foi gozado é pago proporcionalmente, com adicional de 1/3 e em dobro; Férias proporcionais não vencidas : quando o cidadão tinha direito às férias e tirou parte delas no período concessivo e foi demitido antes de retirar o resto para seu proveito. Calcula-se o que ele não recebeu e paga-se com adicional de 1/3.