Tabela Imposto De Renda 2023 Pessoa Física?

Tabela Imposto De Renda 2023 Pessoa Física

Qual a tabela do Imposto de Renda de 2023?

Confira abaixo a tabela com o novo cálculo:

Base de cálculo (até maio de 2023 em R$) Alíquota Parcela a deduzir (em R$)
Até 1.903,98 Isento
De 1.903,99 até 2.826,65 7,50% 142,80
De 2.826,66 até 3.751,05 15% 354,80
De 3.751,06 até 4.664,68 22,50% 636,13

Qual foi o aumento do Imposto de Renda 2023?

Economia 29/08/2023 – 08:03 Depositphotos Salário mínimo de R$1.320 está em vigor desde maio Entrou em vigor nesta segunda-feira (28) a lei que reajusta o valor do salário mínimo e amplia a faixa de isenção da tabela do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF). A Lei 14.663/23 foi sancionada sem vetos pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

O texto tem origem na Medida Provisória 1172/23, aprovada na Câmara dos Deputados e no Senado. O relator na Câmara foi o deputado Merlong Solano (PT-PI). O novo valor do salário mínimo, de R$ 1.320, está vigente desde 1º de maio deste ano (em janeiro era de R$ 1.302). A lei também cria uma política de valorização do mínimo, a vigorar a partir de 2024.

A política segue os mesmos parâmetros daquela que vigorou até 2015: reajuste pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) mais a variação positiva do PIB de dois anos antes. Em caso de taxa de crescimento real negativa do PIB, o salário mínimo será reajustado apenas pelo INPC.

A lei autoriza o Poder Executivo a baixar os aumentos por decreto usando esses parâmetros nos cálculos. Como não há data para o fim desse mecanismo, ele valerá até que outra lei o modifique. Desconto simplificado Em relação ao IRPF, a Lei 14.663/23 subiu a faixa de isenção para R$ 2.112 a partir de 1º de maio de 2023 – antes era de R$ 1.903,98.

A isenção pode chegar ao valor bruto de até R$ 2.640 mensais se o desconto simplificado ao mês, criado pela lei, for maior que as deduções mensais permitidas. Esse desconto simplificado é de 25% (R$ 528) da faixa de isenção (R$ 2.112). Dessa forma, se as deduções com dependentes, Previdência Social e até mesmo pensão alimentícia somarem menos que os 25% da faixa, o desconto simplificado será aplicado em vez das deduções.

You might be interested:  Tabela Fipe Gol G6 2015 Completo 1.0?

Com essa sistemática, quem ganha até R$ 2.640 (dois salários mínimos atuais) poderá contar com R$ 528 a título de desconto mensal para não pagar Imposto de Renda. O aumento da faixa de isenção no IRPF deverá reduzir a arrecadação em R$ 3,2 bilhões nos últimos sete meses de 2023, R$ 5,88 bilhões em 2024 e R$ 6,27 bilhões em 2025, segundo estimativas do Ministério da Fazenda.

A nova faixa deverá beneficiar mais de 13 milhões de contribuintes. Reportagem – Janary Júnior Edição – Rachel Librelon A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura ‘Agência Câmara Notícias’.

Como fica a tabela do IR a partir de maio de 2023?

A nova tabela do Imposto de Renda que entra em vigor a partir de 1 de maio de 2023 possui cinco faixas de renda, com alíquotas progressivas além da faixa de isenção, que vão de 7,5% até chegar a 27,5%. Levando-se em conta o desconto mensal de R$ 528, quem recebe até R$ 2.112,00 está na faixa 1 e é isento.

Como calcular o desconto simplificado do Imposto de Renda 2023?

Leia também – Em outras palavras, quanto maiores as deduções, mais vantajoso seria o modelo completo. Já quem não possui gastos com saúde, educação e dependentes, e apenas uma fonte de renda, por exemplo, poderia encontrar na declaração simplificada a melhor alternativa.

  • No modelo de declaração simplificada, a estipulou desconto padrão de 20% sobre a base de cálculo do tributo.
  • Em 2023, a quantia de deduções ficou limitada a R$ 16.754,34.
  • Ao exceder a soma, o programa da Receita recomendaria a declaração completa como mais vantajosa ao contribuinte.
  • No entanto, qualquer pessoa poderia optar pelo modelo mais simples, a despeito da renda.

O valor do abatimento e o seu limite não previam mudanças, de acordo com as despesas dedutíveis. Por mais que o modelo simplificado fosse mais prático ao contribuinte, era necessário informar todos os gastos dedutíveis que pudessem ser comprovados.

Qual a faixa de isenção do IR 2023?

Leia também – O texto prevê que os trabalhadores que ganham até R$ 2.112 por mês não tenham mais que pagar o Imposto de Renda. A isenção, atualmente, é para aqueles que recebem até R$ 1.903,98. No entanto, para que o aumento da isenção e do salário mínimo se tornem oficiais, é preciso que o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), sancione a medida.

Também foi aprovada a possibilidade dos contribuintes não isentos optarem por um desconto de R$ 528 em relação ao imposto devido, sem necessidade de comprovar despesas à Receita Federal, Na prática, pessoas físicas que recebem mensalmente até R$ 2.640, também não terão de pagar IRPF se optarem por essa dedução simplificada.

Não foram alteradas as alíquotas para as demais faixas de rendimentos mensais, que, porém, também serão beneficiadas com o aumento da faixa de isenção. A mudança da faixa de isenção tem efeitos no Imposto de Renda do ano que vem, mas quem tem desconto na fonte já deverá observar a mudança no valor retido no salário do próximo mês.

You might be interested:  Tabela De Pontos Prova Prática Detran?

Como saber quanto vou pagar de Imposto de Renda?

Tabela de IR

Base de cálculo Alíquota Parcela a deduzir do IR
De R$ 2.112,01 até R$ 2.826,65 7,5% R$ 158,40
De R$ 2.826,66 até R$ 3.751,05 15% R$ 370,40
De R$ 3.751,06 até R$ 4.664,68 22,5% R$ 651,73
Acima de R$ 4.664,68 27,5% R$ 884,96

Como vai ficar a tabela do Imposto de Renda 2024?

Neste ano, a faixa de isenção subiu de R$ 1.903,98 para até R$ 2.112. Também ficou estabelecido que, quem ganha até R$ 2.640 por mês, o equivalente a dois salários mínimos, não pagaria mais Imposto de Renda. Para possibilitar isso, o governo deu um desconto automático de R$ 528.

O que fazer para pagar menos Imposto de Renda?

Deduzir taxas de rendimentos, colocar pai e mãe como dependentes, dividir a declaração de aluguel e incluir no documento gastos com filhos menores de idade, reformas e IPTU são algumas das alternativas para quem busca como pagar menos Imposto de Renda sem infringir a lei.

  • Muitos contribuintes recolhem mais do que deveriam e até caem na malha fina justamente por não conhecerem a lista completa de benefícios fiscais aos quais têm direito, e ela vai muito além do que está trazido acima.
  • Tanto na hora de diminuir o Imposto de Renda através da declaração anual quanto em casos nos quais é necessário reduzir a diferença de tributos devidos ao leão, existem, pelo menos, 17 táticas dentro da lei que podem ser adotadas ou testadas.

Acompanhe-as neste artigo!

Como vai ser o Imposto de Renda no governo Lula?

Lula sanciona lei que altera as faixas do Imposto de Renda; entenda o que muda Entenda as mudanças na dedução do imposto de renda A faixa de isenção subiu para R$ 2.112. No entanto, todos que recebem até dois salários mínimos (R$ 2.640) terão um tipo de desconto automático do governo de R$ 528 para serem incluídos na faixa de isenção.

  1. Com o aumento da isenção, mesmo quem ganha mais de dois salários mínimos será afetado.
  2. Isso porque o imposto não é cobrado sobre todo o salário – só incide nos valores que ultrapassam as faixas isentas ou de tributação reduzida.
  3. Por exemplo: quem ganha R$ 4 mil por mês (e se encaixa na faixa 4) não paga 22,5% sobre toda a parte tributável do salário, só sobre a parte acima da isenção.

Mas o valor que as faixas salariais vão deduzir a mais mensalmente é pequeno. Os novos valores já valiam desde maio, quando a medida provisória foi publicada. Veja como era antes e como fica agora: Se o contribuinte se enquadra na faixa 3 e recebe de R$ 2.826,66 a R$ 3.751,05, a parcela a deduzir passou de R$ 354,80 (na tabela anterior) para R$ 370,40 com a regra atual – uma diferença de R$ 15,60. Câmara aprova MP que reajusta salário mínimo e amplia faixa de isenção do imposto de renda; veja o que está valendo : Lula sanciona lei que altera as faixas do Imposto de Renda; entenda o que muda

You might be interested:  Tabela De Honorários Da Oab/Sp 2017?

Qual a diferença entre desconto simplificado e deduções legais 2023?

IMPOSTO DE RENDA PRA QUEM É POBRE – 26 Perguntas e Respostas sobre IR com o @contadorsincero

Qual a diferença entre deduções legais ou desconto simplificado? Qual a melhor opção? – A principal diferença entre desconto simplificado (declaração simples) e deduções legais (declaração completa) é que a primeira é mais simples e a segunda, um pouco mais complexa, já que requer mais minúcia na hora de preencher o documento, além de organização para apresentar todos os comprovantes dos gastos do ano anterior.

Para saber qual a melhor opção de tributação é necessário colocar na ponta do lápis quanto você gastou com essas despesas que são dedutíveis (médicos, escolas, entre outras). Assim, a declaração completa será mais vantajosa para quem teve gastos dedutíveis legais relevantes com educação, serviços médicos etc.

Especialistas também indicam ao contribuinte optar pela dedução no Imposto de Renda se desejar compensar imposto pago no exterior ou compensar prejuízo da atividade rural de anos anteriores ou do próprio ano-calendário. Já a declaração simplificada é ideal para contribuintes que não tiveram esses tipos de gastos com médicos, educação ou dependentes.

Qual o valor que desconta o Imposto de Renda?

3. Faça o desconto do IRRF

Rendimentos Alíquota
de R$ 1.903,99 até R$ 2.826,65 7,5%;
de R$ 2.826,66 até R$ 3.751,05 15%
de R$ 3.751,06 até R$ 4.664,68 22,5%
a partir de R$ 4.664,68 27,5%

Quais são as novas faixas de Imposto de Renda?

Veja o que muda para cada faixa salarial após a nova isenção do IR, aprovada pelo Congresso Segundo o texto, quem ganha até R$ 2.640 por mês não pagará Imposto de Renda, valor equivalente a dois salários mínimos. Atualmente, esta isenção é de R$ 1.903.

  1. A faixa de isenção subiu para R$ 2.112.
  2. Para completar os R$ 2.640 (dois salários mínimos), o governo dará um desconto automático de R$ 528.
  3. Com o aumento da isenção, mesmo quem ganha mais de dois salários mínimos será afetado.
  4. Isso porque o imposto não é cobrado sobre todo o salário – só incide nos valores que ultrapassam as faixas isentas ou de tributação reduzida.

Por exemplo: quem ganha R$ 4 mil por mês (e se encaixa na faixa 4 ), não paga 22,5% sobre toda a parte tributável do salário. Só sobre a parte acima da isenção. Mas o valor que as faixas salariais vão deduzir a mais mensalmente é pequeno. Confira: Os novos valores já valiam desde maio, quando a medida provisória foi publicada. Câmara aprova MP que reajusta salário mínimo e amplia faixa de isenção do imposto de renda; veja o que está valendo : Veja o que muda para cada faixa salarial após a nova isenção do IR, aprovada pelo Congresso

Como vai ficar a tabela do Imposto de Renda 2024?

Neste ano, a faixa de isenção subiu de R$ 1.903,98 para até R$ 2.112. Também ficou estabelecido que, quem ganha até R$ 2.640 por mês, o equivalente a dois salários mínimos, não pagaria mais Imposto de Renda. Para possibilitar isso, o governo deu um desconto automático de R$ 528.